Store

header ads

Com ingressos esgotados Nothing But Thieves faz show memorável em SP


(Fotografia: Breno Galtier) 

Pela primeira vez a banda veio tocar em duas cidades brasileiras sendo elas Rio de Janeiro e São Paulo. Após o incidente no show do Rio (30/08) onde a casa de show não suportou a quantidade de energia dos equipamentos e ficaram sem luz e energia, para prosseguirem o show normalmente com a banda completa. A produtora Tree Productions imediatamente reverteu a situação propondo um show acústico com o Conor (Vocalista) e Dom Craik (Guitarrista) e também um Meet&Greet aos fãs. A produtora se responsabilizou pelo ocorrido e informou as pessoas que foram ao show que poderiam pedir reembolso de seu ingresso caso se sentissem prejudicados. 

Agora voltando a noite incrível que foi essa sexta feira (31/08) com um show memorável da banda na cidade de São Paulo. Tivemos um show de abertura da banda Two Places at Once que aqueceu a casa enquanto todos esperaram ansiosamente pelos meninos da Nothing But Thieves. Por volta das 21h30 entraram ao palco e foram recebidos com muita energia pelos fãs que lotaram a casa de show já que os ingressos para a noite em SP já estavam esgotados. A intro rolou com “I Was Just a Kid” a primeira faixa do álbum “Broken Machine” que começa muito forte mostrando bem a identidade da banda, em seu pré-refrão o público já estava cantando em alto e bom som, e explodindo na hora do refrão junto a voz potente de Conor Mason. 

Tivemos a oportunidade de ouvir uma setlist diversa com misturas do primeiro e segundo álbum, foram 18 músicas em um total êxtase do público. Não havia reação diferente em se quer uma música, todas foram muito bem aceitas e cantadas por todo mundo dentro da casa. “Wake Up Call”, “Sorry”, “If I Get High” e “Amstedam” foram os pontos mais altos da noite e deixou a banda impressionada com o quanto os fãs brasileiros são receptivos com seus ídolos. Sem deixar de fora um dos momentos mais bonitos do show em que tocaram pela primeira a vez ao vivo a versão no piano da música “Particles” e também seu novo single “Forever & Ever More”. 

Por fim não podemos deixar de lembrar as falas de Conor (Vocalista) que agradeceu a todos por estarem ali e que era incrível saber que mesmo morando completamente longe nós estávamos ali prestigiando a banda e os recebendo com muito carinho. Comentou brevemente sobre esse ser praticamente o “primeiro show” no Brasil e América do Sul já que o show no Rio de Janeiro não aconteceu como o esperado, mas que eles estavam felizes de saber que nós estávamos compensando naquela noite. Completou dizendo que eles demoraram a vir para o Brasil e perguntou ao público se queríamos eles de volta em breve. E é claro que tiveram a melhor resposta. Sim! Já podem voltar logo e fazer mais shows incríveis e impecáveis como fizeram em SP. 

Setlist do Show:

I WAS JUST A KID
BAN ALL THE MUSIC
WAKE UP CALL
SODA
BROKEN MACHINE
I’M NOT MADE BY DESIGN
LIVE LIKE ANIMALS
NUMBER 13
DRAWING PINS
PARTICLES (PIANO)
IF I GET HIGH
TRIP SWITCH
FOREVER + EVER MORE
SORRY
AFTERLIFE
HONEY WHISKEY
ITHC
AMSTERDAM

Postar um comentário

2 Comentários