Mas afinal quem são os Twenty One Pilots?

Por: Tatiane Teixeira

No ano de 2016 só se escutou falar de Twenty One Pilots, eles ficaram no topo de quase todas as paradas mundiais, com um sucesso que nem o próprio duo está conseguindo processar, o disco Blurryface alcançou posições e bateu records surreais até para Josh e Tyler. 

Mas a verdade é que o Twenty One Pilots é a dupla do impossível, afinal, quem acreditava que apenas duas pessoas poderiam fazer tudo que eles fazem? Músicas com melodias complexas, instrumental perfeito, letra poderosa... Não é pra qualquer um. Pois bem, os meninos do impossível chegaram esse ano a marcas históricas se igualando a Beatles e Elvis Presley na parada Billboard, com 3 músicas simultâneas no top 10, liderando mais de 4 charts ao mesmo tempo e quase todas as canções listadas permaneceram lá por muito tempo, Stressed Out  ficou entre as mais ouvidas quase o ano inteirinho, o que vale lembrar é que Blurryface, o mais recente disco da banda, foi lançado em 2015. 

Ganharam o Music Awards, foram indicados a 5 Grammys 2017, acumularam prêmios de várias categorias, e ainda sim, dão entrevistas dizendo que não se iludem com isso, pois todo sucesso é passageiro. Ou seja, além de serem os melhores em provar que nada é impossível, também são muito humildes. 


Vale também lembrar que Blurryface colocou os meninos em um lugar que eles já mereciam chegar, afinal Vessel, disco de 2013, também esteve em muitas paradas da Billboard, inclusive figurando o 15° lugar na semana de sua estréia no Billboard 200. E foi um trabalho muito bem avaliado por críticos de música.


Mas quem são essas duas figuras que compõe esse fenômeno?

Vamos começar por Joshua Dun o um dos bateristas mais querido da atualidade. 


Josh sempre gostou muito de música e percussão, mas na sua casa, em sua infância nada era muito influente para essa arte, então ele começou a frequentar lojas de instrumentos e conversar com pessoas que entendiam de música, Josh aprendeu a tocar, com muita dedicação, bateria sozinho, sem curso, sem apoio, sem condições que favoreciam sua evolução.  

Sua carreira então começou no Guitar center 3 como empregado,Lugar onde conheceu Chris que o apresentou a Tyler posteriormente, mesmo com um emprego Josh continuou envolvido com música, em 2010 a vida musical realmente começou para ele, quando entrou para a banda House Of Heroes, como baterista substituto, em 2011 o baterista original voltou e Josh continuou trabalhando no Guitar Center 3.

Foi em 2011 mesmo que a vida de Josh mudou, o atual baterista do Twenty One Pilots Chris do Guitar center, convidou Dun para uma apresentação deles, foi nesse dia que Josh conheceu Tyler e a vida dele mudou, eles ficaram muito amigos, no mesmo ano, os integrantes do então trio Twenty One Pilots deixaram a banda devido a agendas muito cheias, foi então que Josh se juntou ao Tyler. Foi em Julho de 2011 que a banda lançou o disco Regional At Best e o duo do jeito que conhecemos começou a crescer em disparada.

Já Tyler tinha tudo para ser um jogador de Basquete, mas a música também corria em suas veias e em 2008 após ficar em segundo lugar em um campeonato de Basquete estadual e ganhar bolsa acadêmica para a faculdade, Tyler largou tudo e decidiu que seria compositor, se uniu a dois amigos Nick Thomas e Chris Salih e montou a banda chamada Twenty One Pilots. Ele deu a banda esse nome, pois  estudava no momento uma peça que narrava a história de um homem que decidiu vender peças defeituosas para aviões na segunda guerra mundial, esse homem optou por isso para poder evoluir com seus negócios, o problema é que essa escolha causou a morte de 21 pilotos. Tyler Joseph explica que esse dilema moral sobre  como as consequências das nossas escolhas no presente poderem gerar complicações enormes no futuro é uma inspiração para o nome da banda.

O primeiro disco chamado Twenty One Pilots foi lançado em 2009, em 2011 Tyler ficou sozinho com os membros deixando a banda, e então se uniu a Joshua Dun.

A verdade é que tanto Josh quanto Tyler sempre foram apaixonados por música, decididos a viver dela e passar  essa paixão para as pessoas, são imensamente comprometidos em fazer música para ver a reação do público, gostam de músicas e  também gostam de pessoas, fazem músicas com letras para que as pessoas posam senti-las e é por isso que eles tem feito tanto sucesso, pois sua preocupação é o bom trabalho e não apenas o sucesso, acertaram o sucesso mirando no entusiasmo de se envolver com expressão musical,. O tão aclamado Blurryface é um trabalho honesto, com uma carga enorme de sentimentos, com letras altamente reflexivas, pois eles adoram fazer as pessoas pensarem, nada poderia ter sido diferente. Blurryface foi trabalhado música por música, cada produtor cuidando de uma parte do álbum um trabalho minuciosamente pensado e é por isso o sucesso da banda e seu enorme público. 

É claro que suas performances arrebatadoras também colaboram muito para o estrondo que fizeram em 2016. O Twenty One Pilots ao vivo parece uma banda enorme cheia de integrantes, várias coisas acontecendo ao mesmo tempo, uma energia positiva e desconcertante sendo trocada por público e banda, um envolvimento pouco usado por outros muitos grupos por aí. Twenty One Pilots é uma escola para muitos que tentam obter metade do sucesso deles.



Um  vídeo para relembrarmos como foi o show deles aqui no Brasil


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recent

recentposts

Random

randomposts