Store

header ads

Argo

 Argo


Confesso que pensei muito antes de fazer esse comentário sobre Argo, digo isso porque, o filme foi complexo, contando uma história real e também porque é uma obra repleta de detalhes, e pode ser que eu tenha deixado passar algo.

Assisti ao filme horas antes de começar o Oscar 2013, admito que não esperava pela vitória de Argo, decidi ve-lo, pois achei sua chamada bem chamativa. É impressionante como os americanos estão gostando do tema guerra ultimamente, temos filme como " a hora mais escura" ou outros mais antigos e menos pesados como " enterrado vivo", como esse tema tem se tornado frequente imaginei que o filme de Ben Affleck seria apenas mais uma história sobre guerra.

A história conta a passagem real da invasão à embaixada americana no irã, muitas pessoas ficaram reféns, mas 6 conseguiram fugir, e ficaram presas no país, pois não podiam se revelar aos rebeldes iranianos, dessa forma a CIA resolve se organizar para tira-los dessa situação.

O longa se desenrola quando Ben Affleck tem o plano de ir ao irã fingir que está gravando um filme, e que os fugitivos serão atores, dessa forma o brilhante filme se desenrola, gosto da pesquisa de dados e acontecimentos que esse filme fez, acho a ideia bem criativa, pois conta uma história que muita gente não conhece.

Gosto do personagem John Goodman, que entra com tonalidade cômica no filme, muito me agradou também o cuidado que tiveram com a imagem do longa que foi trabalhada para deixar a obra com cara de anos 80, até parece que estamos assistindo um filme antigo. A critica feita aos EUA com o fato de se preocuparem mais com sua imagem para o mundo do que com seus próprios cidadãos também foi muito bem pensado.

A obra conta uma história sem comprar lados, o que é muito importante, os iranianos não são taxados como malvados e nem os EUA como bonzinhos, assim como sugeriram algumas pessoas do Irã após a premiação do Oscar,. O roteiro é bem envolvente, não deixa o filme massante, o suspense feito nos minutos finais do loga geram grande reação do público.

Não acho que Argo ganhou o premio de melhor filme atoa,está certo que muitos também mereceram, mas Argo em uma obra muito bem montada que é um assunto pesado passado de maneira mais leve, mas sem tirar a sua gravidade, gostei muito da direção, pois o longa é inquietante do começo ao fim.

Acho o filme criativo, e bem planejado, que passa uma história o mais imparcial possível, que não recorre a efeitos especiais para chamar a atenção do público, penso que isso tenha feito a diferença na hora de dar a estatueta.


Postar um comentário

0 Comentários